Greve Inédita de Autocarros no Japão afecta Empresa e não os Utentes

2 Maio, 2018 17:39

Na cidade de Okayama no Japão, os condutores de autocarros que trabalham para o grupo Ryobi fizeram uma “greve” bastante diferente do habitual.

Isto tudo por casa de uma nova concorrente que não só está a tomar conta dos seus trajetos, assim como aplicam tarifas mais apelativas e têm os seus autocarros mais amigáveis, com caras engraçadas desenhadas na parte de frente do autocarro.

E como fizeram o seu protesto?

Ao invés de imobilizarem os autocarros como habitualmente acontece em greves, decidiram continuar a trabalhar normalmente, só que de forma gratuita!

Ou seja, quem quisesse andar de autocarro poderia o fazer sem pagar um cêntimo.

Segundo informações, esta não é a primeira vez que greves como estas acontecem no Japão assim como em paises vizinhos, como Austrália, que também já fizeram este tipo de greve que somente afectam as empresas e não os seus utentes.

Esperemos que vire moda por cá também…