Google manipula resultados para favorecer Hillary Clinton?

13 Junho, 2016 11:25

Nos Estados Unidos a corrida para a Presidência parece saída de um filme obscuro onde todos os que concorrem são pessoas pouco acarinhadas pelo público, numa especie de “vá o diabo e escolha” e enquanto o mais falado de todos é obviamente Donald Trump, em especial pelos seus discursos altamente racistas, Hillary Clinton tem também a sua quota de controvérsias, em especial por casos de favorecimento “das elites” e censura que deixam a candidata fora da confiança do povo e a prova disso é que desta vez o Gigante tecnológico Google parece estar por trás dessa campanha onde aparenta ocultar e manipular as pesquisas sobre Hillary a fim de puxar o menos possível informações que lhe seja prejudiciais como comprova o vídeo.  E caso não é para menos, porque para alguns poderá passar apenas de uma teoria da conspiração mas o que é facto é que antes deste vídeo já mesmo Julian Assange do Wikileaks tinha alertado para este facto como se pode ser aqui.